Robalos e companhia

Dezembro 31 2009

Os Vinis...Outro Mundo
 

Esta categoria de "Softbaits" que cada vez cresce mais e é mais utilizada, pode revelar-se extremamente produtiva nas condições certas e onde todas as outras podem falhar. Existe uma variedade de amostras enorme, de vários tipos, comprimentos, odores, com e sem "ratlin"... podem ser amostras extremamente realistas, onde por vezes pode ser dificil dizer onde termina a amostra e começa o peixe que ela imita.

 Podem ser utilizadas com lastro (cabeçote) e sem ele, nas mais diversas técnicas; em "weightless", "drop-shot", "carolina", "texas" e muitas outras. É um outro mundo que começa a despontar...

 

Não necessitamos de possuir centenas de amostras. O conhecimento dos pesqueiros proporciona a escolha das amostras mais adequadas.

Por isso numa escolha criteriosa, poderemos dizer que uma dúzia de amostras são as necessárias e suficientes para desenvolvermos e explorarmos convenientemente as diferentes situações que se vão deparando ao longo da jornada de pesca. Depois a experiência adquirida vai refinando esta escolha…

 
Os Clips de engate rápido - (snaps):
 

Há quem não os utilize e prefira os nós, estes apresentam vantagens de desempenho, apresentação e manuseamento, todavia quando necessitamos de mudar de amostra tornam-se um empecilho a que se efectue essa mudança com rapidez, pois é necessário refazer sempre os nós – o que não é nada prático.

Por isso, hoje em dia, quase todos utilizamos estes clips de engate rápido com o único objectivo de facilitar o trabalho de mudança da amostra, e às vezes fazemo-lo inúmeras vezes.

 

- Os fios: Inúmeras vezes temos de refazer os nossos “baixos de linha”, seja porque se encontram roçados pelas pedras, ou porque as características da água assim aconselham, por isso deve acompanhar-nos sempre uma bobine pelo menos. Utilizam-se normalmente fios de flúorcarbono de 0,30 até aos 0,40 dependendo das características do pesqueiro este intervalo pode ser alterado.

 

- Os Óculos: Muito importante este equipamento, não por questões estéticas, mas porque nos permite ter uma visão mais pormenorizada do spot, pois evitam os reflexos da água, mas sobretudo porque nos protege os olhos de um eventual acidente.

 

- Os Alicates: Existem vários tipos, mas possuir lâmina de corte e ser pontiagudo permite-nos retirar as fateixas dos peixes sem os maltratarmos muito, promovendo assim a sua libertação nas melhores condições.

 

- As lanternas: Esta ferramenta é extremamente importante se pescamos de noite em cima da pedra e na mudança da amostra.

Autor: Paulo Machado

www.pescacomamostras.net/

publicado por Brito Ribeiro às 18:08

Robalos e companhia pretende contribuir para uma maior divulgação da pesca desportiva nas suas várias modalidades, norteado pela responsabilidade e pela defesa de um património que, se não for devidamente protegido, corre o risco de desaparecer breve
mais sobre mim
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


pesquisar
 
blogs SAPO